NOTÍCIAS

Vitor Koch visita CEA

PRESIDENTE DA FCDL, EM PALESTRA AOS EMPRESÁRIOS, CONCLAMA A NÃO ESMORECEREM DIANTE DA CRISE
    O presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul, Vitor Augusto Koch, em visita à Fronteira Oeste, reuniu-se na noite de quarta-feira (15) com as lideranças empresariais da cidade quando abordou a atual conjuntura econômica e política do País. Para uma plateia qualificada, o dirigente lojista não usou meias palavras para situar de forma muito clara o que está acontecendo no País. 
    Vitor Augusto Koch disse que o momento é extremamente difícil, só comparada à crise do petróleo nos anos 70. Quem produz e gera renda hoje está sendo estrangulado pelos altos juros que aumentam os preços e tiram o crédito. Exemplificou o caso do Rio Grande do Sul onde somente o ramo automobilístico deixou de fazer 80 mil operações por falta de garantias, quando se sabe que ao vender carros a indústria automotiva gera empregos. Disse também ser assustador o número de portas do comércio fechadas na Capital, placas de “aluga-se” disseminadas por todos os cantos e lojas nos Shoppings também fechando.

PERDA DA REFERÊNCIA
    Decisões erradas que foram tomadas pelos governos estragaram a economia e o País perdeu a referência, lembrou o empresário Koch. Sobre a violência, comentou que ao tirarem as armas de dentro de uma casa porque o cidadão tem que andar desarmado para maior segurança, o que se vê é o aumento da criminalidade em 24 por cento. “O que vemos é o ladrão invadindo casas e os proprietários sem poderem reagir”. Quando o empresário diz que precisa entregar a propina para poder fazer a obra e ainda ver político dizer que isso é uma cultura de 70 anos, realmente perdemos a referência, lamentou.

ONDE ESTÁ A VISÃO DE FUTURO ??
    O presidente da Federação dos Lojistas exortou os empresários da cidade que, mesmo diante de todo o descalabro da política brasileira, não se pode esmorecer. “Somos empresários geradores de riquezas, pagamos os mais altos impostos sem retorno nenhum, temos que perseverar”, reforçou. Disse admitir que infelizmente o país foi muito massacrado nos últimos 14 e 15 anos. Nas escolas, os jovens não sabem o que é certo ou errado, não sabemos o que é família. Onde está a visão de futuro, questionou. “Mas temos que acreditar que dá para mudar, pois somos formadores de opinião”, observou o palestrante para quem o empresariado tem que discutir sim política, não a partidária. Trouxe o exemplo de quando esteve na Alemanha onde lá constatou que o coletivo está em primeiro lugar. “Lá, tudo é organizado, o trem, o bonde, o carro, a bicicleta, tudo passa no mesmo horário e no mesmo lugar, de forma super organizada”.

INSURGIR PARA MUDAR
    O líder empresarial Vitor Koch foi claro ao afirmar que a Constituição no Brasil não é cumprida. O sistema político está corrompido e as coisas só vão mudar com a insurgência dos cidadãos. O Rio Grande do Sul e o Brasil estão assim por causa de acordos feitos no passado. Para mudar, é preciso debater, conversar, manifestar e amadurecer opiniões. “Chega de tapinhas nas costas”, frisou. É importante que o Centro Empresarial tenha a sua participação nesse processo, construindo oportunidades, encerrou.
    O presidente do Centro Empresarial, Deonir Martini destacou a importância da presença do presidente da Federação e a aproximação com as entidades empresariais do interior na busca da melhoria dos negócios . O vice prefeito Márcio Amaral, ao se pronunciar, destacou que a solução dos problemas da Fronteira Oeste é o dever de casa a ser feito a médio prazo para que a região consiga superar os desafios. Para o representante da Câmara Municipal, vice presidente Glênio Bolsson, o país só trata das consequências na saúde, segurança, educação e situação precária dos municípios, mas que a única saída é a educação, disse.
    Após visitar Alegrete, o presidente da Federação de Câmaras de Dirigentes Lojistas , Vitor Augusto Koch, acompanhado dos diretores Fernando Paraolo, primeiro vice presidente, Jorge Lopes e Clarindo Barbosa, diretores, e do superintendente Leonardo Neira, estará nesta quinta-feira em Uruguaiana, depois em Itaqui e São Borja.

Textos: Alair Almeida Fotos: Alair Almeida e Vivian Mitidieri


Clique e confira as fotos do evento.

 

MAIS NOTÍCIAS